• Bravo Godoy Perroni Advocacia

Inventário de Maradona tem carta de Fidel e camisa do Brasil, diz site


De acordo com o Infobae, os objetos históricos constam em uma lista com mais de 200 itens do ídolo argentino, registrados em cartório


A herança de R$ 257 milhões deixada por Diego Armando Maradona não envolve “apenas” dinheiro. O site Infobae publicou neste fim de semana uma lista com mais de 200 itens de valor do ídolo argentino, que estão guardados em um depósito em Béccar, com firma reconhecida em cartório.


A relação de objetos conta com peças históricas, como uma carta escrita e assinada por Fidel Castro, ex-presidente de Cuba e amigo de Maradona. Entre as inúmeras camisas de times de futebol, há uma da Seleção Brasileira, autografada pelo ex-jogador Ronaldo e pelo ex-presidente Lula.


Também estão no contêiner troféus e homenagens feitas a Maradona ainda em vida. O ídolo argentino morreu no último dia 25, após sofrer parada cardiorrespiratória em casa.


Até o momento, Maradona tem cinco beneficiários: Dalma, Gianinna, Diego Júnior, Jana e Dieguito Fernando. Filhos não reconhecidos pelo ídolo também tentam solicitar parte da herança via exames de DNA.


Fonte: Metrópoles

O processo de inventário e partilha dos bens tem como objetivo possibilitar a transferência da herança líquida aos herdeiros da pessoa falecida, na proporção disposta em última vontade e/ou conforme determinado na lei civil, independente da natureza dos bens.


Caso o falecido tenha deixou somente dinheiro (seja saldo bancário; conta de caderneta de poupança ou fundos de investimento) de valor equivalente a até 500 (quinhentas) Obrigações do Tesouro Nacional, a lei 6.858, de 24 de novembro de 1980, prevê a possibilidade do procedimento de transferência patrimonial ocorrer através de pedido de alvará independente, procedimento judicial mais célere e menos oneroso aos herdeiros.


bgp@bgpadv.com.br

1 visualização0 comentário